Vander rechaça fake news e afirma que regulamentação do Uber foi positiva

Vander taxou afirmação de que votou contra o Uber como fake news
Vander taxou afirmação de que votou contra o Uber como fake news

Na manhã desta terça-feira (6), o deputado federal Vander Loubet usou suas contas nas mídias sociais para desmentir um boato sobre a votação do projeto que regulamenta os serviços de aplicativos de transporte, no dia 28 de fevereiro, na Câmara dos Deputados, em Brasília. “A afirmação de que votei contra o Uber é fake news”, destacou.

De acordo com o deputado, foram votados três principais pontos do projeto. Acompanhando a maioria, Vander votou pela derrubada da exigência do uso da placa vermelha para veículos vinculados a esses aplicativos. “Nos outros dois pontos, votei pela regulamentação do transporte por aplicativos”, explicou. Na visão do parlamentar, somente com regulamentação será possível haver a devida fiscalização sobre a qualidade dos serviços realizados pelas empresas e sobre a segurança dos usuários dos aplicativos.

“Em nenhum momento votei contra o Uber e demais aplicativos porque o fato de se buscar uma regulamentação não significa querer impedir ou atrapalhar”, afirmou Vander em seu texto. Segundo ele, o objetivo era apenas estabelecer regras para o bom funcionamento dos serviços.

Ainda na opinião do parlamentar, o saldo final do projeto foi bom. “Tanto é que o Uber divulgou uma nota afirmando que a regulamentação foi positiva”, completou. A nota da empresa pode ser lida pelo link: https://www.uber.com/pt-BR/newsroom/sua-voz-foi-ouvida-mais-uma-vez/.

Vander Loubet finalizou seu texto destacando que sempre defendeu a conciliação de interesses entre os motoristas de aplicativos e os taxistas. “Conciliar, a meu ver, tem que ser um dos papéis do Poder Público”, concluiu.

(Éder Yanaguita – Ascom/Dep. Vander Loubet)